Art&MusicaLSlides® Gé - "AS QUATRO ESTAÇÕES DA NOSSA VIDA"

 

Te espero aqui:

www.angelicaslides.com.br

(no rodapé do site você pode ir acompanhando os 4 pps mais recentes)

(agora também com "localizador de slides")

 

 DICAS RELACIONADAS AO SLIDE ANEXO:

Caso te peçam a senha, favor clicar em "Somente leitura"

Caso não haja movimento e som, favor apertar a tecla F5

Caso haja algum problema na visualização, favor apertar "Esc" e reabrir o pps

Caso o anexo não abra de jeito nenhum, observar se após o título consta .pps-

(se for o caso, favor salvar e renomear para .pps, tirando esse tracinho final)  

 

 

(Local de postagem dentro do site: DIVERSOS)

  

Para recebimento gratuito de novas mensagens clique no link abaixo e depois

clique em "Enviar" (não precisa escrever nada no texto):

AngelicaSlides-subscribe@yahoogrupos.com.br

 

Para cancelar o recebimento faça o mesmo no link abaixo:

AngelicaSlides-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

 

 Contato : airlepper@gmail.com

 

 Visite a sala que meu querido amigo Luiz Antonio Vieira Spinola

- AMBIENTE PRODUÇÕES -

abriu para mim...

 

Geral : http://ambienteinfoera.blogspot.com.br/2010/10/hall-de-entrada-dos-grupos-ambiente-em_16.html

Gé : https://groups.google.com/forum/?hl=pt&fromgroups#!forum/ambienteproducoes2

  

 

 

 

Lendas Sobre a Coxinha 

Nestes últimos dias, uma gíria tem tomando conta do Brasil, trata-se da palavra coxinha para designar os playboys, mauricinhos e almofadinhas.
O curioso é que esta guloseima brasileira é recheada de lendas urbanas, que leremos abaixo:
A Coxinha e a Princesa Isabel:
Reza a lenda que a princesa Isabel teve um filho com problemas neurológicos e que para a sociedade não descobrir, isolou o pobre numa fazenda aos cuidados de várias babás. Mas, a nobre não abandonou a criança e por isto fazia visitas constates àquele sítio.
O problema é que o menino era louco por coxa de galinha. Porém, um certo dia, as galinhas morreram por causa de uma peste. Então, com medo de que o garoto ficasse triste, a princesa e as cozinheiras desfiaram um peito de frango, que ainda estava fresco, misturaram com uma massa e moldaram em formato de coxa.
O resultado foi que o garoto adorou.
A Coxinha e Dom Pedro I:
 Já outra lenda diz que Dom Pedro I,  quando era criança, era maluco por coxa de galinha. Um certo dia, os frangos acabaram.
Então, a escrava cozinheira, que tinha sido ama de leite do menino, teve uma ideia:
Ela pegou um peito de frango, que tinha sobrado do dia anterior, desfiou, colocou dentro da massa do acarajé e serviu ao garoto, que achou a nova receita formidável.
Então, a partir daquele dia, em todo o baile que a corte fazia, esta escrava era obrigada a cozinhar centenas de coxinhas para servir aos convidados e, principalmente, ao jovem imperador.
O Imperador e a Almofadinha:
No século dezenove a gíria almofadinha também serviu para designar playboys e mauricinhos. O curioso é que a origem dela também se deu na corte brasileira.
Reza a lenda que Dom Pedro I, na adolescência, permitiu que seus cachorros de estimação entrassem na sala. Mas, os animais destruíram todas as almofadas. Assim, o imperador pegou agulha e linha para conserta-las. Porém, ele se sentiu tão bem depois desta atividade que chamou seus amigos para uma festa onde os homens deveriam costurar almofadas. 
Luciana do Rocio Mallon 





Depois que o Piqué levou cartão vermelho, a Shakira está cantando:

Estou aqui, meu lindo Piqué
Só para dar meu ombro a você

Você chutou o Neymar, não pode ser 
Levou cartão vermelho igual ao alvorecer
Simplesmente, não posso compreender !

Você é da seleção da Espanha
Que bate e nunca apanha !
Você chutou o Neymar, não consigo crer
Por isto, levou o cartão vermelho para valer!

Estou aqui, meu lindo Piqué
Só para dar meu ombro a você!
Estou na arquibancada
Toda oxigenada e descabelada.

Estou aqui !


( Paródias da Tia Lu ) 






29/06/2013 - 12h00

'Tudo indica' que contribuição ao INSS de doméstica cairá, diz ministro

DO "AGORA"

O ministro da Previdência, Garibaldi Alves Filho, disse ontem que "tudo indica" que a contribuição dos patrões ao INSS das domésticas cairá. Segundo ele, a decisão será do Congresso.

A proposta de regulamentação da lei que ampliou os direitos das domésticas, do senador Romero Jucá (PMDB-RR), prevê a redução da alíquota de 12% para 8%.

A Previdência era contrária ao projeto. "O Jucá disse que não adianta a gente resistir, porque ela vai cair", afirmou o ministro.

Garibaldi considera que a queda não seria boa, mas a Previdência não terá a última palavra.

Sobre o fim do fator, que está entre as bandeiras levadas pelas centrais a Dilma, Garibaldi disse que não foi comunicado oficialmente sobre o que foi pedido na reunião de anteontem.

Segundo ele, os estudos sobre o tema só serão divulgados após a aprovação da presidente.

(VIVIAM NUNES)

 

video

 Cavalo que não é tão cavalo assim..., veja o anexo - que show!

 

 

 

-- 

 

 

 

 

 

FANTÁSTICO !

As cenas e imagens são de uma exuberância impressionante  com qualidade muito próxima à perfeição.

O vídeo em geral transmite a impressão de se tratar de um filme em 3-D, sem a necessidade de óculos especiais 

 

www.youtube.com/watch_popup?v=ThFCg0tBDck

 

 

Ausência de Dilma na final destoa de chefes de estado e surpreende Fifa

Rodrigo Mattos
Do UOL, no Rio de Janeiro

09h00

 

Ao se ausentar da final da Copa das Confederações, a presidente da República, Dilma Rousseff, destoa de chefes de estado dos países-sede anteriores que tinham forte presença na competição. Pelo menos foi assim na Alemanha e na África do Sul, edições de quando o campeonato passou a ter a dimensão de um teste para a Copa do Mundo do ano seguinte. Em nenhum desses lugares, no entanto, havia manifestações na rua contra o Mundial.

 

A decisão de Dilma surpreendeu dirigentes da Fifa e decepcionou o presidente Joseph Blatter. O cartola suíço tinha dito que gostaria de ter a presença dela na partida. E membros da cúpula da entidade ficaram surpresos porque esperavam que a presidente gostaria de entregar o troféu em uma eventual vitória do time nacional, o que poderia gerar prestígio.

Foi assim com o o presidente da África do Sul, Jacob Zuma. Ele esteve na abertura, em outros jogos da seleção da África do Sul e entregou a taça para o capitão brasileiro Lúcio. Seu envolvimento foi tal que foi até receber o troféu oficialmente da Fifa em uma cerimônia no Congresso. Também fez visita ao time sul-africano, vestindo o agasalho igual ao usado pelos jogadores e pelo então técnico Joel Santana.

O então primeiro-ministro da Alemanha Gerard Shoreder também foi visitar a seleção alemã em sua concentração antes de uma das partidas durante a Copa das Confederações de 2005. Quem entregou o troféu para Ronaldinho foi o presidente Horst Koehler, que é o chefe de estado.

Dilma bem que tentou marcar uma visita para encontrar o técnico Luiz Felipe Scolari, mas não foi possível por conta de agendas. Ela só foi a uma partida, a de abertura, entre Brasil e Japão. Foi vaiada quando soltou apenas uma frase, abrindo mão do discurso que tinha pensado em falar para o público.

Desde então, o prestígio da presidente tem sofrido seguidos abalos a ponto de reduzir, segundo o Datafolha, a sua popularidade de 57% para 30% -percentual dos que acham que ela faz uma gestão boa ou ótima.

As manifestações nas ruas com pedidos por mais dinheiro para saúde e educação, que também incluem protestos contra gastos da Copa, a levaram a fazer um pronunciamento público. No discurso, tentou se dissociar de despesas com estádios do Mundial e defendeu o evento de forma tímida. Dentro da Fifa, a avaliação é de que ela demorou a falar sobre o Mundial, embora tenha recebido elogios públicos.

 

A ausência de Dilma também ocorre em um momento em que a relação entre o governo e a Fifa azedou. A entidade tem várias críticas à atuação da União, mas não as tem explicitado para evitar um conflito político. Já o governo tenta afastar sua imagem da organização máxima do futebol, criticada em praticamente todos os protestos.

 

Art&MusicaLSlides® "Eternidade II"

--
Você recebeu esta mensagem porque está inscrito no
Grupo "Art&MusicaLSlides®" em Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para
Art-e-Musica-LSlides@googlegroups.com
Para cancelar a sua inscrição neste grupo, envie um e-mail para
Art-e-Musica-LSlides+unsubscribe@googlegroups.com
Para ver mais opções, visite este grupo em
http://groups.google.com.br/group/Art-e-Musica-LSlides?hl=pt-BR?hl=pt-BR
---
You received this message because you are subscribed to the Google Groups "Art&MusicaLSlides®" group.
To unsubscribe from this group and stop receiving emails from it, send an email to Art-e-Musica-LSlides+unsubscribe@googlegroups.com.
Visit this group at http://groups.google.com/group/Art-e-Musica-LSlides.
For more options, visit https://groups.google.com/groups/opt_out.

Lenda do Filho do ET de Varginha 

Esta lenda foi contada por Dona Margareth, uma ex-moradora de Varginha, que me autorizou a postar este causo na Internet:
Em meados dos anos noventa, na cidade de Varginha ao Sul de Minas Gerais, surgiu a lenda de que um alienígena estava naquela região.
Tudo começou com um boato, espalhado na mídia em 1995, afirmando que discos-voadores sobrevoariam o sul daquele estado no ano seguinte.
Por coincidência, em 1996, três adolescentes ao passarem, numa tarde escura, em um terreno baldio afirmaram terem visto um extraterrestre no meio daquele mato.
Muitas pessoas, na época, afirmaram que as meninas confundiram um mendigo com um alienígena. Pois, naquela cidade, existia um morador de rua que era uma figura folclórica na região. Segundo os céticos, tratava-se de Mudinho, um rapaz com transtornos neurológicos que costumava ficar acachado colhendo lixo reciclável do chão, gostava de tomar banho de lama e afirmava conversar com fantasmas.
Já, as jovens falaram que o ET era marrom, tinha olhos vermelhos e cabeça grande bem desproporcional ao corpo. Portanto, bem diferentes das características de um ser humano.
Conforme Dona Margareth, naquela mesma época, uma moça afirmou que foi atacada e violentada por uma criatura que não era humana, pois parecia alienígena de filme de ficção científica. Mas, que a história foi abafada pela mídia. O problema foi que depois de nove meses, a jovem agredida deu a luz a um menino, com aparência normal, e muitas pessoas afirmaram que aquela criança era filho do ET mais famoso do Brasil.
Este mesmo garoto cresceu com muita sensibilidade, pois ele era religioso e gostava de ajudar os outros, chegando ser até coroinha de igreja.
Algumas pessoas que ficaram doentes, chegaram pedir preces ao menino e foram curadas.
Mas, quando este garoto chegou à adolescência passou a sofrer bullying, pois recebeu o apelido de: " Filho do ET de Varginha." Por causa disto, sua família mudou-se de cidade. Porém, mesmo assim, pessoas continuam dizendo que o rapaz tem poderes sobrenaturais.
Luciana do Rocio Mallon 





video

Os petralhas estão agindo para impedir a postagem de vídeos no Facebook.

Enquanto não bloquearem os e-mails vamos repassando sem dó. Estão com medo e isso é bom.

E se a bolsa familia acabasse...??? Vale a pena ver......

Repassando... Meu Amigo,  há certos assuntos que não podemos deixar passar em branco, mesmo ausente da nossa base, aproveito o momento para divulgar na rede; nota 10 para o SBT e para a jornalista também...esperamos que a mesma não perca o emprego por dizer a verdade e mostra a realidade que vivemos...

 REPASSE...O POVO PRECISA SABER !!!

 

Olá,

Eu acabei de assinar esta petição, você não quer se juntar a mim?

Impeachment da Presidente Dilma
Para: Povo Brasileiro juntamente com o senado federal e câmara de deputados

Esta petição é muito importante e poderá fazer uso de nossa ajuda. Clique aqui para saber mais e assinar:


http://www.avaaz.org/po/petition/Impeachment_da_Presidente_Dilma_1/?kLHaydb

Muito obrigado,

PAZ EM CASA

Pelo Espírito Emmanuel - Psicografia de Francisco Cândido Xavier

Livro: Luz no Lar” - Lição nº 62, página 158 

“Em qualquer casa onde entrardes, dizei antes: “paz seja nesta casa”.

Lucas 10:5

Compras na terra o pão e a vestimenta, o calçado e o remédio, menos a paz.

Dar-te-á o dinheiro residência e conforto, com exceção da tranquilidade de espírito.

Eis porque nos recomenda Jesus venhamos a dizer, antes de tudo, ao entramos numa casa: “paz seja nesta casa”.

A lição exprime vigoroso apelo à tolerância e ao entendimento.

No limiar do ninho doméstico, unge-te de compreensão e de paciência, a fim de que não penetres o clima dos teus, à feição de inimigo familiar.

Se alguém está fora do caminho desejável ou se te desgostam arranjos caseiros, mobiliza a bondade e a cooperação para que o mal se reduza.

Se problemas te preocupam ou apontamentos te humilham, cala os próprios aborrecimentos, limitando as inquietações.

Recebe a refeição por bênção divina.

Usa portas e janelas, sem estrondos brutais.

Não movas objetos, de arranco.

Foge à gritaria inconveniente.

Atende ao culto da gentileza.

Há quem diga que o lar é ponto do desabafo, o lugar em que a pessoa se desoprime.

Reconhecemos que sim; entretanto, isso não é razão para que ele se torne em praça onde a criatura se animalize.

Pacifiquemos nossa área individual para que a área dos outros se pacifique.

Todos anelamos a paz do mundo; no entanto, é imperioso não esquecer que a paz do mundo parte de nós.

 

Um exemplo de oratória e habilidade política, ocorrido recentemente na ONU, fez sorrir toda a comunidade mundial ali presente.


Falava o representante de Israel na ONU:


- "Antes de começar o meu discurso, quero contar-lhes algo inédito sobre Moisés. 

... (todos ficaram muito curiosos)

 

- “Quando Moisés golpeou a rocha com seu cajado e dela saiu água, pensou imediatamente":
Que boa oportunidade para tomar um banho!".

-“Tirou a roupa, deixou-a junto da pedra e entrou n´água. Quando acabou de banhar-se e quis vestir-se, sua roupa tinha sumido!
Os palestinos haviam-na roubado!!!"


Um representante da Palestina de pronto levantou-se furioso e bradou:

- "Que mentira boba e descabida! ...Nem havia palestinos naquela época!!!"


O representante de Israel então sorriu e afirmou:

- "Muito bem... Então, agora que ficou bem claro quem chegou primeiro a este território e quem foram os invasores!"

 

-"Posso enfim começar o meu discurso..."

Se um discurso semelhante fosse aplicado ao Brasil, seria mais ou menos assim:


Em 1979, os Governos Militares, depois de salvar o Brasil do comunismo, e prepará-lo para um futuro brilhante, com uma grande infraestrutura governamental, resolveram iniciar a abertura política e se retirar totalmente da área política, preparando inclusive uma Lei da Anistia, para perdoar até mesmo aos traidores da Pátria, entre eles muitos assassinos, sequestradores e assaltantes.

Mas o PT roubou toda a minuta desses documentos!!!

Aí, com certeza, uma voz de um petista, raivosa, diria:
- “MAS EM 1979 O PT NEM EXISTIA!!!”

Então podemos afirmar com absoluta certeza de que o PT nada fez para a Democratização e Abertura Política do País, nem para seu desenvolvimento, muito pelo contrário:
 
CONDENOU-O AO ATRASO, À IGNORÂNCIA E À DESONESTIDADE ENTRE SEUS PARES EM TODO O MUNDO !
 
Lembre-se sempre:


"Embora ninguém possa voltar atrás e  fazer um novo começo, qualquer um pode  começar agora e fazer um novo fim".
(Joaquim Barbosa está fazendo a parte dele.)
 

Esta é uma comunicação oficial do Instituto Endireita Brasil.
Reenvie imediatamente esta mensagem para toda a sua lista, o Brasil agradece.


 
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Lenda da Cabeça Seca

No século dezenove, num lugarejo chamado Butiá dos Carvalhos, na região rural da cidade de Mafra no Estado de Santa Catarina, existia uma lavradora solitária e donzela apelidada de Jujuba.
Ela comprou uma chácara naquela região, onde havia um poço lacrado.
Uma vez, ela recebeu a visita do seu sobrinho endiabrado que revirou a residência de cabeça para baixo e retirou o lacre do poço.
No dia seguinte, Jujuba foi para a lavoura. Mas, quando estava carpindo a roça com a enxada, de repente, ela viu que retirou da terra uma cabeça seca sem o corpo.
Assim, a mulher ficou assustada e saiu correndo.
A noite alguém bateu na sua porta. Quando a moça abriu viu que tratava-se do corpo de uma mulher sem a cabeça, que lhe entregou o seguinte bilhete:
- Há anos eu estava trancada dentro do poço, sem falar que sempre sonhei em achar a minha cabeça. Pois, fui covardemente decapitada pelo meu marido e tive a outra parte do meu corpo 
 jogada no mato.
- Estou aqui porque sei que você achou a minha cabeça e eu não posso correr atrás dela porque encontro-me muito fraca. Portanto, volte para a lavoura, pegue esta parte do meu corpo que tanto procuro e coloque amanhã, à noite, na porta de seu sítio para que eu possa busca-la.
Jujuba obedeceu ao zumbi, recolheu a cabeça e colocou na entrada de sua residência. Na noite seguinte, a moradora ficou espiando pela janela. Quando de repente, viu que o zumbi voltou, pegou sua cabeça, encaixou no corpo e desapareceu no meio do mato.
Alguns dias depois, Jujuba comentou este causo com seus vizinhos, que afirmaram que naquele sítio morava uma esposa com o seu marido. Porém, que a mulher desapareceu sem dar pistas.
Por causa desta história, a chácara de Jujuba recebeu o apelido de: " Região da Cabeça Seca."
Luciana do Rocio Mallon